Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Sporting conseguiu Bruno Fernandes com "desconto" no preço

Logótipo de O Jogo O Jogo 18/09/2017 Rui Trombinhas

Italianos venderam quase ao preço de custo após semanas de negociações com o trio Bruno de Carvalho, Guilherme Pinheiro e André Geraldes. Leões deduziram 5,5 Meuro à operação

© Fornecido por O jogo

Contratado por 8,5 milhões de euros à Sampdória (acrescidos de 500 mil euros de variáveis e mais-valia futura de 10%), o sucesso imediato de Bruno Fernandes no Sporting rapidamente levou a Imprensa e os adeptos italianos a falarem de uma pechincha. Mas para "sacar" o talentoso e promissor médio por esse valor, a SAD verde e branca negociou durante semanas, conseguindo baixar a exigência do clube de Génova consideravelmente: a Samp pediu 14 Meuro pelo passe do oito, mas a agilidade, paciência e pressão negocial dos responsáveis leoninos levou a que o negócio ficasse 5,5 milhões abaixo das pretensões iniciais!

Após várias observações e sendo identificado como um talento por potenciar, Jorge Jesus e o team manager, André Geraldes, marcaram presença na Amoreira, num desafio dos sub-21 realizado em março, antes de tomarem uma decisão, planeando a intervenção no mercado para reforço do plantel 2017/18 com tempo.

As negociações foram conduzidas pelo presidente Bruno de Carvalho, pelo administrador da SAD Guilherme Pinheiro e pelo team manager, André Geraldes, que contaram com a vontade do jogador para pressionar a Sampdória a baixar a fasquia. Embora apreciado em Itália, Bruno Fernandes teve altos e baixos e não explodiu na Samp, pelo que esta, a precisar de fazer encaixe financeiro, acabou por vendê-lo quase ao preço de custo - estava emprestado pela Udinese por 1 Meuro e com opção de compra obrigatória de 7 Meuro.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon