Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Sporting de Braga precisa de vencer o mais 'frágil' do grupo H da Liga Europa

Logótipo de LusaLusa 01/11/2016 Rita Moura
HUGO DELGADO/LUSA © LUSA / HUGO DELGADO HUGO DELGADO/LUSA

Lisboa, 01 nov (Lusa) - O Sporting de Braga está ‘obrigado’ a vencer na quinta-feira na receção aos turcos do Konyaspor, em jogo da quarta jornada do grupo H da Liga Europa em futebol, no qual os ‘arsenalistas’ têm dois pontos.

Com dois empates em três jogos, em casa com o Gent e fora com o Konyaspor (ambos por 1-1), os bracarenses não podem falhar frente à equipa teoricamente mais acessível do grupo, em que o líder destacado é o Shakhtar Donetsk, de Paulo Fonseca.

Os ucranianos lideram com nove pontos (três jogos e três vitórias), seguidos pelos belgas do Gent (quatro pontos), pelo Braga (dois pontos) e pelos turcos do Konyaspor (um ponto).

A equipa de José Peseiro, que no campeonato português subiu ao segundo lugar, em igualdade pontual com o FC Porto, precisa de se manter na discussão do grupo H, num cenário em que deverá discutir o segundo lugar com o Gent.

Mesmo uma derrota ou empate não elimina desde já os bracarenses, mas deixa-os numa situação em que dependem de terceiros.

Já uma vitória poderia catapultar a equipa para a segunda posição, caso o Gent não vença na receção ao Shakhtar, e um empate dos belgas e uma vitória bracarense deixaria as duas equipas com cinco pontos.

Na quarta jornada da segunda competição da UEFA, destaque também para o Manchester United, de José Mourinho, que, apesar de atravessar uma ‘crise’ de resultados na época de estreia do português no clube, se assume como um candidato na Liga Europa.

O desempenho na competição europeia não tem sido unânime, com Mourinho nem sempre a apostar na primeira linha, e nesta ronda a equipa discute a liderança no grupo A com uma visita aos turcos do Fenerbaçe.

O grupo conta também com os holandeses do Feyenoord (quatro pontos), que se vencerem em casa do Zorya até podem alcançar a liderança tripartida se existir um empate no jogo entre turcos e ingleses.

Schalke 04 e Zenit, no grupo I e D, respetivamente, são os únicos emblemas que, além de Shakhtar, só têm vitórias: os russos, de Luís Neto, são favoritos na receção ao Dundalk e, se vencerem, ficam desde já apurados para os 16 avos de final.

Menos bem na competição está, à semelhança do que tem feito na Série A, o Inter de Milão – que não tem o português João Mário inscrito -, ocupando o último lugar do grupo K, no qual tem como adversários a equipa de Miguel Vítor (Hapoel Beer-Sheva) e a de José Fonte e Cédric Soares (Southampton).

Os italianos, que são últimos (três pontos), visitam o Southampton (quatro), enquanto os israelitas do Hapoel Beer-Sheeva têm um jogo pela liderança com o Sparta Praga (ambos com seis pontos).

A Fiorentina, de Paulo Sousa, comanda o grupo J (sete pontos), e nesta quarta jornada tem total favoritismo perante os checos do Liberec (um ponto), numa ronda em que o PAOK recebe o Qarabag, ambos com quatro.

Outros portugueses em ação serão Tiago Pinto, no Osmanlispor, que visita o Villarreal, no grupo L, e o Panathinaikos, de Zeca, a receber o Standard Liège, de Orlando Sá, as equipas com menos pontos no grupo G, liderado por Ajax.

Na frente do seu grupo está o Olympiacos (seis pontos), do ex-selecionador Paulo Bento, que visita o Astana, enquanto o APOEL (também com seis pontos), de André Martins e Diogo Figueiras, não quererá deixar fugir os gregos, pelo que procura a vitória frente aos suíços do Young Boys.

O Nice, surpreendente líder da Liga francesa de futebol, não tem tido um desempenho europeu tão positivo, com a equipa do sul de França, na qual joga o lateral português Ricardo Pereira, a receber no grupo I os austríacos do Salzburgo.

A equipa francesa tem três pontos, estando atrás de Schalke 04 (nove) e Krasnodar (seis), enquanto o Salzburgo ainda não pontuou.

RPM // VR

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon