Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Surto de dengue na cidade sede de Portugal no Mundial de futebol do Brasil

Logótipo de LusaLusa 14/04/2014 Lusa

De acordo com a Agência Brasil, a cidade - que fica no interior do estado de São Paulo – já registou 3.615 casos da doença neste ano e investiga 3.346 outros casos suspeitos.

Há cinco dias, a cidade confirmou a sua primeira morte por dengue, de uma mulher de 69 anos.

Cerca de 100 homens do exército brasileiro também estão em formação para trabalhar no combate à proliferação da dengue.

A Superintendência de Controlo de Endemias, do governo estadual de São Paulo, reforçou as equipas que fazem a nebulização, método que ajuda a eliminar os focos do mosquito Aedes aegypti, transmissor da doença.

DENNIS M. SABANGAN/EPA © 2014 DENNIS M. SABANGAN/EPA

Na última sexta-feira, o juiz da 1ª Vara da Fazenda, Mauro Iuji Fukumoto, autorizou a entrada dos agentes de saúde da autarquia em imóveis desabitados, fechados, abandonados ou com acesso não permitido pelos proprietários.

Segundo balanço da autarquia, as equipas de combate à dengue visitaram 120 mil imóveis entre janeiro a março deste ano, mas encontraram 49 mil fechados ou impossibilitados de entrar por causa da proibição dos moradores.

A seleção de Portugal chega a Campinas a 11 de junho, depois de ter começado o estágio em Portugal, a 21 de maio, passando ainda a preparação lusa por New Jersey, nos Estados Unidos, de 02 a 10 de junho.

Integrado no Grupo G do Mundial2014, Portugal estreia-se a 16 de junho frente à Alemanha, em Salvador, e defronta depois os Estados Unidos, a 22, em Manaus, fechando a primeira fase com o Gana, a 26, em Brasília.

CSR(NFO) // APN

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon