Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Suspeito de atropelamento mortal junto ao Estádio da Luz entregou-se à PJ

Logótipo de LusaLusa 27/04/2017 Rosa Carreiro
JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA © LUSA / JOSÉ SENA GOULÃO JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

Lisboa, 27 abr (Lusa) – O suspeito do atropelamento mortal ocorrido junto ao Estádio da Luz, em Lisboa, na semana passada, entregou-se hoje às autoridades, disse à Lusa fonte da Polícia Judiciária (PJ).

Segundo a fonte da PJ, o homem entregou-se na sede da PJ, em Lisboa, acompanhado do seu advogado.

Um homem de 41 anos, de nacionalidade italiana, morreu na madrugada de sábado passado (dia 22) na sequência de um atropelamento e fuga junto ao Estádio da Luz, de acordo com a Polícia de Segurança Pública (PSP), que foi chamada ao local depois de alertada para a existência de confrontos naquela noite.

O atropelamento mortal deu-se horas antes de um jogo entre o Sporting e o Benfica, da 30.ª jornada da I Liga, no Estádio José Alvalade, em Lisboa.

O homem era adepto do clube italiano Fiorentina e do Sporting. Os dois clubes, tal como o Benfica e outras entidades, lamentaram publicamente o sucedido.

Na terça-feira, a Polícia Judiciária recuperou o automóvel que terá sido utilizado no atropelamento mortal, segundo fonte policial.

O veículo, que foi encontrado na Amadora, foi rebocado para as instalações da Polícia Judiciária, em Lisboa, para ser sujeito a perícias.

A Procuradoria-Geral da República (PGR) já anunciou a abertura de um inquérito que corre termos no Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa.

JGS (IMA/JP) // MCL

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon