Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Suspeito de tentar matar a mãe na Batalha fica em prisão preventiva

Logótipo de O Jogo O Jogo 02/10/2017 Administrator

O Ministério Público (MP) confirmou hoje, em despacho de acusação publicado na sua página oficial, a prisão preventiva a um suspeito de tentar matar a mãe com uma faca, na Batalha, no distrito de Leiria.

De acordo com o despacho, o MP deduziu a acusação em processo comum e perante o tribunal coletivo contra um homem por suspeita de ser o autor de um crime de homicídio qualificado, na forma tentada.

Segundo a acusação, "no dia 19 de junho de 2017, pelas 12:45, no interior de uma residência sita na vila da Batalha, na sequência de uma discussão com a vítima, o arguido muniu-se de uma faca de cozinha com cerca de 12,5 cm de lâmina e colocou-a junto ao pescoço daquela, ao mesmo tempo que dizia 'vou-te matar'".

Apercebendo-se da intenção do arguido, a vítima "colocou as duas mãos na zona frontal do seu pescoço e implorou que não a matasse porque era sua mãe".

Não obstante este pedido, o suspeito "desferiu uma facada, a qual provocou um golpe no pescoço da vítima e um golpe no polegar da sua mão direita".

"Em simultâneo, em tom de voz sério e ameaçador, o arguido disse: 'Vou-te matar, mas vais sentir, vai ser aos bocados'. Neste contexto, a vítima logrou fugir para o exterior do prédio, tendo entretanto surgido uma patrulha da GNR de Batalha. Em consequência destes factos, o arguido provocou na vítima uma escoriação no pescoço e uma ferida profunda no polegar direito", lê-se ainda no despacho.

O MP afirma que o arguido irá aguardar a realização de julgamento em prisão preventiva, "medida de coação que lhe foi aplicada em 20 de junho de 2017, no âmbito do primeiro interrogatório judicial efetuado no Juízo Central de Instrução Criminal de Leiria, por se verificar a existência de perigo de perturbação grave da ordem e tranquilidade públicas e perigo de continuação de atividade criminosa".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon