Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Teo Gutiérrez continua a alimentar polémicas e admite regressar

Logótipo de O Jogo O Jogo 20/03/2017 Ana Proença

Cedido aos argentinos até final da época, o internacional colombiano disse no balneário e em público que o cenário não lhe agrada e ficar não é uma opção. Tem contrato com o Sporting válido por mais uma época

Teo Gutiérrez não pára de ser protagonista na Argentina e quase sempre pelas polémicas que gera. Descontente por ser suplente, o internacional colombiano cedido pelo Sporting ao Rosário Central fez ontem saber que não fica nos canallas e pretende voltar a Lisboa.

© Filipe Amorim/Global Imagens

Desde que foi emprestado ao emblema da província de Santa Fé, Teo nunca antes havia admitido regressar aos leões, apesar de ainda ter contrato por mais uma temporada. No Central e no banco é que não ficará, sentenciou.

Anteontem, depois de ser suplente utilizado na vitória do Central em casa do Quilmes, o cafetero não abandonou o seu estilo desconcertante. Depois de ter falado no balneário, Teo disse à Imprensa local: "Se a decisão de me tirar do onze é futebolística, não concordo. Se é para eu ficar no banco, tenho de compreender, mas não me consigo acostumar a essa condição. Entrego-me em todos os treinos e estou a jogar bem. Também não creio que ao Rosário Central interesse que eu fique no banco. Mas ainda tenho de aproveitar estar aqui porque em maio volto a Lisboa", disparou o internacional colombiano que na passada temporada anotou 15 golos em 32 partidas pelos verdes e brancos.

No acender de mais um episódio quente entre muitos outros que tem protagonizado (ler caixa em anexo), Teo Gutiérrez disse mais: "Quando trabalho, não peço explicações. Sou um profissional, mas como todos os avançados eu preciso de fazer golos e a jogar pouco isso é impossível."

Teo está emprestado até final da época e o Central não deve acionar a opção de compra de 80% do passe do dianteiro colombiano.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon