Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Três mulheres fazem-se explodir no nordeste da Nigéria provocando 28 mortes

Logótipo de O Jogo O Jogo 16/08/2017 Administrator

Três mulheres fizeram-se explodir terça-feira à noite numa cidade a 25 quilómetros de Maiduguri, no nordeste da Nigéria, matando 28 pessoas e ferindo mais de 80, disseram hoje fontes locais.

"Três mulheres acionaram os seus cintos explosivos à entrada de um campo de deslocados (na cidade de Mandarari), fazendo 28 mortos e 82 feridos", disse Baba Kura, membro das milícias civis que lutam contra o grupo jihadista Boko Haram.

A primeira mulher rebentou o cinto cerca das 18:00 (mesma hora em Portugal) no mercado que está à entrada do campo, disse a mesma fonte.

A fonte, citada pela agência de notícias France Press, disse que a explosão provocou o pânico e que quando os comerciantes estavam a fechar as lojas as outras duas mulheres fizeram-se explodir.

Ibrahim Liman, outro dos chefes das milícias civis, confirmou o triplo atentado e disse que os feridos foram levados para o hospital de Maiduguri.

Fontes hospitalares falaram de "um grande número de pessoas que chegaram" ao fim do dia.

A região tem sido alvo de inúmeros ataques do grupo Boko Haram, uma organização fundamentalista islâmica que desde 2009 já provocou mais de 20.000 mortes e levou 2,6 milhões de pessoas a deixarem as suas casas.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon