Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Treinador adjunto do México explica expulsão de Juan Carlos Osorio

Logótipo de O Jogo O Jogo 02/07/2017 Alcides Freire

Humberto Sierra garante que o selecionador só queria que o árbitro recorresse ao videoárbitro.

O selecionador do México foi expulso do banco no jogo de atribuição do terceiro lugar da Taça das Confederações, este domingo, frente a Portugal, que a equipa das quinas acabou por vencer por 2-1.

© Jorge Amaral/Global Imagens

Aquando de um lance duvidoso com Pepe, Juan Carlos Osorio protestou com veemência junto do árbitro Fahad Al Mirdasi, recebendo ordem de retirada. Depois do apito final, foi o adjunto Humberto Sierra que explicou o que esteve por detrás da expulsão:

"O que pedimos foi que o juiz recorresse ao videoárbitro de maneira a rever a jogada, para perceber se havia possibilidade de existir grande penalidade. Mas não me quero focar nisso, prefiro falar do jogo, que foi bem intenso", afirmou Sierra.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon