Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Treinador do FC Porto garante que não há euforias no grupo de trabalho

Logótipo de LusaLusa 27/10/2016 Jose Pedro Gomes
ESTELA SILVA/LUSA © LUSA / ESTELA SILVA ESTELA SILVA/LUSA

Porto, 27 out (Lusa) - O treinador do FC Porto, Nuno Espírito Santo, garantiu hoje que "não há euforias no grupo de trabalho", depois de quatro vitórias consecutivas nos jogos que a equipa disputou, este mês, em diversas competições.

"Entendo que a euforia dos nossos últimos resultados exista, mas isso acontece fora do grupo de trabalho, na massa associativa e nos adeptos, porque internamente isso não existe", disse o treinador.

Nuno Espírito Santo fez esta observação na conferência de imprensa de antevisão à visita de sábado ao Vitória de Setúbal, da nona jornada da I Liga Portuguesa de futebol, onde o técnico pretende somar mais um triunfo.

"Esperamos um jogo tradicionalmente difícil. O Vitória de Setúbal é uma boa equipa, bem orientada [José Couceiro], com bons jogadores, estamos preparados para ir a Setúbal e com motivação máxima para trazer os três pontos", afirmou o técnico.

Confrontado com o facto do Vitória de Setúbal já ter, esta época, ‘roubado’ pontos ao Benfica (empate 1-1 na Luz, à segunda jornada), o treinador do FC Porto não considerou que tal possa ser um alento extra para a sua equipa.

"Conhecemos bem o adversário, mas o que fez no passado recente não nos alerta, nem nos traz outras questões", disse Nuno, acrescentando: "É uma equipa que a jogar no seu estádio frente ao FC Porto vai estar com o máximo de motivação e é para isso que nos preparamos, sem excessos de confiança, e focados em nós".

Depois deste embate como Vitória de Setúbal, o FC Porto recebe o Benfica, na jornada 10 do campeonato, algo que o treinador dos ‘dragões’ disse ainda não estar no horizonte das suas preocupações.

"Seria um erro e uma falta de respeito olhar mais além que o jogo com o Vitória de Setúbal, esse é o mais importante, e a melhor maneira de preparar esse seguinte é com uma vitória no Bonfim", vincou Nuno Espírito Santo.

O treinador foi questionado sobre o possível regresso à titularidade do lateral direito Maxi Pereira, garantindo que a oportunidade do uruguaio regressar ao ‘onze’ "irá acontecer naturalmente".

"Todos conhecemos o Maxi e a sua qualidade como jogador e homem. É um grande profissional e uma opção mais. Mesmo não estando na equipa, interpreta como todos os outros o que pedimos, com o máximo de dedicação e empenho, esperando pela sua oportunidade, que vai surgir naturalmente", assumiu o técnico.

O FC Porto, segundo classificado do campeonato, com 19 pontos, desloca-se este sábado ao terreno do Vitória de Setúbal, 11.º, com nove, numa partida agendada para as 18:15, que terá arbitragem de João Pinheiro, da Associação de Futebol do Braga.

JPYG

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon