Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Trump desafia secretário de Estado para comparação de teste de coeficiente de inteligência

Logótipo de O Jogo O Jogo 10/10/2017 Administrator

As tensões entre Donald Trump e o seu secretário de Estado Rex Tillerson voltaram a emergir hoje, quando o Presidente norte-americano propôs uma comparação dos seus testes de coeficiente de inteligência (QI).

O inquilino da Casa Branca tem repetido que os artigos que detalham as suas difíceis relações com o chefe da diplomacia são "mentiras", em particular após a cadeia televisiva NBC News ter referido no final de semana passada que o ex-patrão do gigante petrolífero ExxonMobil qualificou Trump de "imbecil" no final de uma reunião no Pentágono.

"Penso que é uma informação falsa", afirmou Donald Trump em entrevista à revista Forbes. "Mas se o disse, penso que será necessário comparar os nossos testes de QI. E posso dizer-vos quem vai ganhar", acrescentou.

A sua porta-voz, Sarah Huckabee Sanders, tentou minimizar a polémica ao afirmar que se trata apenas "de uma brincadeira". "[Trump] não colocou em causa a inteligência do secretário de Estado", assinalou, para assegurar que tem "100% de confiança" em Tillerson.

"O Presidente tem direito a uma brincadeira", e "o secretário de Estado não ficou incomodado com isso", tentou em simultâneo minimizar o porta-voz do Departamento de Estado, Heather Nauert, e precisando que o QI de Rex Tillerson é "elevado".

Este novo episódio fez, no entanto, aumentar as especulações sobre uma eventual demissão de Tillerson.

O Presidente e o seu secretário de Estado já mantiveram de seguida diversas reuniões comuns na Casa Branca, incluindo um jantar também com a presença do secretário da Defesa, Jim Mattis. Os assuntos abordados foram o Irão, Coreia do Norte e Turquia, com o Departamento de Estado a qualificar os encontros de "positivos".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon