Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Trump lamenta que republicanos façam "tão pouco" para o proteger

Logótipo de O Jogo O Jogo 23/07/2017 Administrator

O Presidente dos Estados Unidos da América (EUA), Donald Trump, considerou hoje "triste" que os republicanos do Congresso tenham feito pouco para o proteger, e voltou a criticar a investigação às suas alegadas ligações à Rússia.

"É muito triste que os republicanos, incluindo alguns que aproveitaram a minha vitória para chegar onde chegaram, façam tão pouco para proteger o seu presidente", declarou Trump, numa publicação na rede social Twitter.

Não são claros os destinatários da mensagem do Presidente norte-americano, mas já no começo da semana, Trump havia culpabilizado os democratas e "uns poucos republicanos" pela incapacidade do Partido Republicano em avançar com uma nova lei de saúde pública para substituir o plano do seu antecessor, conhecido como ObamaCare.

Para o Presidente, "na sua maioria, os republicanos foram leais, fantásticos e trabalharam mesmo muito". Mas ressalvou: "Quem nos falhou foram todos os democratas e uns poucos republicanos".

Também hoje e igualmente no Twitter, Donald Trump reiterou que está a haver uma "caça às bruxas" contra si e a sua equipa por eventuais ligações com a Rússia, uma "desculpa" dos democratas, advoga o Presidente dos EUA, para a derrota no sufrágio presidencial.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon