Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

UE preocupada com política de Ancara, mas mantém processo de candidatura

Logótipo de O Jogo O Jogo 25/07/2017 Administrator

Bruxelas, 25 jul (25)- O comissário europeu para o Alargamento, Johannes Hahn, manifestou hoje a "muito grande preocupação" de Bruxelas com a detenção, na Turquia, de defensores de direitos humanos e jornalistas, entre outros, mas o país mantém estatuto de candidato.

Hahn, que falava em conferência de imprensa após uma reunião com o ministro turco dos Negócios Estrangeiros, Mevlut Cavusoglu, e a chefe da diplomacia da União Europeia, Federica Mogherini, sublinhou a "muito grande preocupação" da UE com o rumo da política de Ancara, especialmente as vagas de detenções.

Por seu lado, Cavusoglu alegou que o Governo turco, que endureceu a sua ação após uma tentativa de golpe há um ano, está a lutar contra o terrorismo.

Mogherini, por seu lado, adiantou preferir focar-se no terreno comum, salientando terem sido identificadas prioridades comuns nas quais é possível "trabalhar juntos".

"O importante para nós não é ouvir o que é dito nestes encontros, mas sim ver passos concretos serem dados nos campos do primado da lei, dos direitos humanos, da democracia, na defesa dos defensores dos direitos humanos e dos líderes da oposição", salientou.

"A Turquia mantém-se como país candidato" à UE, garantiu, salientando que, ao mesmo tempo é "um parceiro estratégico" do bloco europeu.

Mogherini acrescentou que questões como a de Chipre, no entanto, impedem que se abram novos capítulos nas negociações de adesão.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon