Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Vítor Oliveira: "Reagimos a duas desvantagens injustas"

Logótipo de O Jogo O Jogo 30/09/2017 Hugo M. Monteiro

O treinador do Portimonense, Vítor Oliveira, abordou o empate a dois golos com o Aves, em jogo a contar para a oitava jornada do campeonato

Empate com o Aves: "Perdemos dois pontos, num jogo com duas equipas com objetivos diferentes. O Portimonense procurou sempre a vitória do primeiro ao último minuto, enquanto o Aves jogou virado para não perder."

Reação a duas desvantagens: "Reagimos a duas desvantagens injustas, porque o Aves nada tinha feito para justificar a vantagem, mas fez um aproveitamento fantástico, ao marcar dois golos nas poucas situações que teve. Soubemos reagir às duas desvantagens e procurámos sempre a vitória, mas o futebol é um jogo de erros e tivemos um erro que resultou no primeiro golo Aves, situação que não podemos evitar."

© Fornecido por O jogo

Criação de oportunidades: "Criámos uma mão cheia de situações para construirmos um resultado diferente, embora não as tenhamos aproveitado. Não estamos contentes, mas temos de aceitar. Só temos que nos recriminar, pois fomos perdulários e faltou-nos discernimento em determinadas ocasiões e no momento de fazer golo."

Defesa: "A defesa hoje esteve sólida, mas agora vamos analisar o jogo, ver o que falhou e procurarmos emendar para melhorarmos no futuro."

Resultado mais justo: "Penso que o 3-2 seria o resultado mais justo, pois iria repor justiça no resultado, sendo a nossa vitória inquestionável. Parabéns às duas equipas e agora vamos olhar em frente, pois temos 15 dias para preparar o próximo jogo".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon