Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Venezuela: 27 estudantes detidos e levados à justiça militar

Logótipo de O Jogo O Jogo 04/07/2017 Administrator

Os 27 estudantes universitários que foram detidos domingo no Estado venezuelano de Aragua (norte) será presente a um tribunal militar, informou hoje a ONG de defesa dos direitos humanos Forum Penal.

O tribunal castrense será constituído no Comando-Geral da Polícia de Aragua, explicou o penalista e representante do Forum Penal nessa jurisdição, Dimas Rivas.

Os detidos são estudantes da Universidade Pedagógica Experimental Libertador (UPEL) de Maracay, capital de Aragua, e segundo o deputado da oposição José Ramón Arias "lutaram pela liberdade da Venezuela" durante mais de 90 dias de protestos contra o Governo de Nicolás Maduro.

A UPEL informou por seu lado, em comunicado: "Funcionários dos corpos de segurança do Estado de Aragua entraram no nosso recinto e atacaram e levaram detido um grupo de pessoas".

Noutro comunicado, a UPEL disse que atacaram estudantes e pessoal de vigilância e declara a sua "firme condenação aos ataques".

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon