Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Venezuela doa 5 milhões de dólares para ajudar afetados pelo furacão Harvey

Logótipo de O Jogo O Jogo 30/08/2017 Administrator

A Venezuela anunciou hoje que vai apoiar financeiramente os norte-americanos afetados pelo furação Harvey, que deixou um saldo de pelo menos 20 mortos e 17.000 desalojados.

O anúncio foi feito através do canal estatal Venezuelana de Televisão (VTV), pelo ministro das Relações Exteriores venezuelano, Jorge Arreaza, que precisou que o valor da doação será de 5 milhões de dólares, através da Citgo, a filial da empresa estatal Petróleos da Venezuela SA (PVDSA), em território norte-americano.

"Vai haver um apoio direto da Citgo de até 5 milhões de dólares, para apoiar as famílias de Houston e Corpus Christi, em cooperação e coordenação com as autoridades locais", disse.

Segundo Jorge Arreaza, o apoio foi ordenado pelo Presidente Nicolás Maduro e a Citgo prevê destinar uma percentagem do valor das vendas de gasolina para a construção e substituição de habitações e a reconstrução de zonas afetadas.

O anúncio tem lugar depois de o Presidente Donald Trump, anunciar, recentemente, que considerava uma possível intervenção militar para solucionar a crise social e política na Venezuela e de os EUA anunciarem sanções financeiras contra o Governo de Caracas e a estatal PDVSA.

Jorge Arreaza explicou que o Governo venezuelano vai enviar uma carta ao encarregado de negócios dos EUA em Caracas, para "por à disposição tudo o que a revolução bolivariana possa aportar, desde materiais, equipas de socorro, médicos e casas pré- fabricadas, e tudo o que seja necessário para as zonas afetadas".

"Este é um exemplo de que se imperassem ainda mais as boas relações entre os Governos da Venezuela e dos Estados Unidos, poderíamos colaborar em todos os setores (...) toda a solidariedade com Texas, Louisiana, com os povos que possam ser afetados. Contem sempre com o apoio definitivo da diplomacia de paz", sublinhou Jorge Arreaza.

Segundo a estatal PDVSA, a filial de Citgo em Corpus Christi não sofreu danos na sequência da passagem do furação.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon