Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Venezuela: Embaixadora dos EUA na ONU alerta que eleições são passo para a ditadura

Logótipo de O Jogo O Jogo 31/07/2017 Administrator

A embaixadora dos Estados Unidos na Organização das Nações Unidas (ONU), Nikki Haley, afirmou que as eleições de domingo na Venezuela são "mais um passo para a ditadura" e que não aceitará "um governo ilegítimo".

"A falsa eleição de Maduro é mais um passo para a ditadura. Não aceitaremos um governo ilegítimo. O povo da Venezuela e a democracia prevalecerão", escreveu a diplomata na rede social Twitter.

Na semana passada, Nikki Haley defendeu as sanções anunciadas pelos Estados Unidos contra 13 funcionários e antigos dirigentes venezuelanos e alertou que a administração norte-americana avaliará mais medidas se o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, mantiver os planos para a Assembleia Constituinte.

No domingo, foram chamados a votar mais de 19,8 milhões de venezuelanos para as eleições para a Assembleia Constituinte.

A convocatória foi feita a 01 de maio por Nicolás Maduro com o principal objetivo de alterar a Constituição em vigor, nomeadamente os aspetos relacionados com as garantias de defesa e segurança da nação, entre outros pontos.

A oposição venezuelana, que decidiu não participar nas eleições, acusa Nicolás Maduro de pretender usar a reforma para instaurar no país um regime cubano e perseguir, deter e calar as vozes dissidentes.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon