Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Venezuela: Pentágono nega ter ordens de Donald Trump sobre possível opção militar

Logótipo de O Jogo O Jogo 12/08/2017 Administrator

O Pentágono negou, na sexta-feira, ter recebido ordens referentes à Venezuela depois de o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ter admitido uma eventual intervenção militar naquele país mergulhado numa crise política e económica.

"O Pentágono não recebeu qualquer ordem relativamente à Venezuela", afirmou o porta-voz Eric Pahon. "Se nos for pedido, estamos preparados para ajudar o Governo a proteger os nossos interesses nacionais e os nossos cidadãos", sublinhou em comunicado.

Esta foi a resposta às declarações, proferidas pouco antes, pelo Presidente dos Estados Unidos que afirmou não descartar a hipótese de uma intervenção militar. "Temos várias opções para a Venezuela, incluindo uma possível opção militar se necessário", disse Donald Trump, sem facultar mais detalhes.

"Temos tropas em todo o mundo, em lugares muito, muito distantes. A Venezuela não está muito longe e há gente a sofrer e a morrer", argumentou.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon