Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Vitória B derrota Benfica B com reviravolta em inferioridade numérica

Logótipo de O Jogo O Jogo 21/05/2017 Ana Proença

O Vitória de Guimarães B venceu este domingo o Benfica B por 3-2, num jogo em que operou a reviravolta com 10 jogadores, da 42.ª e última jornada da II Liga portuguesa de futebol.

A equipa vitoriana virou o resultado ante os 'encarnados' com golos de Haman, aos 76 minutos, e de Bruno Mendes, aos 88, depois dos golos de Castro para os anfitriões, aos 36, e de Jota, aos 29, e de João Félix, de penálti, aos 55, para as 'águias', e ainda da expulsão do vimaranense Kiko, aos 59.

Os minhotos terminaram a época na 11.ª posição, com 60 pontos, e uma série de 15 jogos consecutivos sem derrotas em casa (14 triunfos e um empate), ao passo que a turma de Hélder Cristóvão, expulso do banco aos 90+3 minutos, cotou-se como a melhor equipa B da prova, com um quarto lugar (63 pontos), apesar dos dois desaires consecutivos a acabar.

Os 'encarnados' entraram melhor e enviaram os primeiros avisos à baliza vitoriana num cabeceamento por cima de João Escoval, aos 11 minutos, e num remate de João Félix, aos 13, inaugurando o marcador na altura em que o Vitória B se começava a soltar, com Jota a colocar a bola a meia altura sobre Miguel Oliveira, ao minuto 29.

Os vimaranenses reagiram prontamente e, depois de terem ameaçado o golo num cabeceamento de Bruno Mendes e numa recarga falhada de Kiko, aos 34 minutos, igualaram aos 36, num lance confuso na área do Benfica B, com Castro a bater Zlobin com um remate frouxo, junto à pequena área.

As 'águias' voltaram à liderança do marcador no primeiro lance digno de registo do segundo tempo, com João Félix a ser derrubado pelo guardião Miguel Oliveira no interior da área vitoriana, aos 53 minutos, e a converter a grande penalidade, aos 55.

Os vimaranenses ficaram reduzidos a 10 elementos aos 59 minutos, quando Kiko agrediu João Félix no meio-campo e viu o cartão vermelho direto, e o Benfica B quase fez o terceiro golo aos 66 minutos, quando Dálcio atirou por cima em frente à baliza, aos 66.

Os anfitriões restabeleceram o empate aos 76 minutos, quando o recém-entrado Haman enquadrou-se com a baliza, à entrada da área, e desferiu um remate forte ao ângulo inferior esquerdo da baliza e, depois de Jota ter falhado uma ocasião para os 'encarnados', aos 83, concretizaram a reviravolta, na sequência de uma grande penalidade, cometida sobre Castro.

O próprio médio vitoriano falhou o castigo máximo e a primeira recarga, com a bola a sobrar para a segunda recarga, de Haman, que ressaltou num defesa benfiquista para a emenda decisiva de Bruno Mendes, aos 88 minutos.

Jogo no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães.

Vitória de Guimarães B - Benfica B, 3-2.

Ao intervalo: 1-1.

Vítor Campelos, treinador do V. Guimarães B © Miguel Pereira/Global Imagens Vítor Campelos, treinador do V. Guimarães B

Marcadores:

0-1, Jota, 29 minutos.

1-1, Castro, 36.

1-2, João Félix, 55 (grande penalidade).

2-2, Haman, 75.

3-2, Bruno Mendes, 88.

Equipas:

- Vitória de Guimarães B: Miguel Oliveira, João Correia, Denis Duarte, Marcos Valente, Vigário (Rui Gomes, 72), Kiko, Joseph, Castro, Haashim Domingo (Haman, 66), Tyler Boyd (Mimito, 76) e Bruno Mendes.

(Suplentes: André, Ricardo Carvalho, Al Musrati, Mimito, Sérgio Ribeiro, Rui Gomes e Haman).

Treinador: Vítor Campelos.

- Benfica B: Zlobin, Simón Ramirez (Igor Rocha, 89), Hélder Baldé, João Escoval, Luquinhas, Mendes (Saponjic, 77), Pipo, Dálcio, João Félix, Jota (Tiago Dias, 85) e Heriberto.

(Suplentes: André Ferreira, Nuno Gonçalves, Jorginho, Filipe Soares, Tiago Dias, Saponjic e Igor Rocha).

Treinador: Hélder Cristóvão.

Árbitro: Carlos Macedo (AF Braga).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Dálcio (50), Miguel Oliveira (53), Mendes (71) e João Félix (84). Cartão vermelho direto para Kiko (59). Hélder Cristóvão, treinador do Benfica B, expulso do banco de suplentes (90+3).

Assistência: cerca de 2.000 espetadores.

AdChoices
AdChoices

Mais de O Jogo

image beaconimage beaconimage beacon