Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Vitória com “mesma postura” de sempre para vencer Paços de Ferreira - Pedro Martins

Logótipo de LusaLusa 02/02/2017 Tiago Miguel Mendes Dias
JOSÉ COELHO/LUSA © LUSA / JOSÉ COELHO JOSÉ COELHO/LUSA

Guimarães, Braga, 02 fev (Lusa) - O treinador do Vitória de Guimarães, Pedro Martins, afirmou que a equipa vai "lutar pelos três pontos" com a atitude dos jogos anteriores ante o Paços de Ferreira, na abertura da 20.ª jornada da I Liga de futebol.

A formação vitoriana, quinta classificada do campeonato, com 35 pontos, é a melhor equipa do campeonato a jogar fora de portas, a par do líder Benfica (22 pontos em 10 jogos), e o treinador admitiu que, apesar do "comportamento fantástico" nos jogos fora, os seus jogadores entram sempre em campo com a mesma atitude em busca dos três pontos.

"Independentemente de jogarmos em casa ou fora, a postura é a mesma. A equipa está preparada, sabe o que vai encontrar pela frente e vai lutar pelos três pontos", disse na conferência de antevisão ao duelo de sexta-feira.

Pedro Martins considerou que o Paços de Ferreira, equipa que já não vence há cinco jogos para a I Liga e ocupa o 15.º lugar com 17 pontos, é um "adversário tradicionalmente difícil", que tem "apenas duas derrotas" em casa - Sporting (1-0) e Moreirense (2-0) - e pode dificultar a tarefa vitoriana, num jogo em que a chuva prevista pode interferir.

"Provavelmente as condições atmosféricas vão adulterar as características quer de uma, quer de outra equipa. Quem se adaptar mais rapidamente às condições do terreno e às atmosféricas tem mais probabilidades de vencer", anteviu.

O técnico confirmou que João Aurélio vai substituir no lado direito da defesa o castigado Bruno Gaspar - viu o quinto cartão amarelo na jornada anterior, frente ao Marítimo (0-0) - e que Marega é "opção" para o duelo com os 'castores', esclarecendo que o avançado, que jogou pelo Mali na CAN2017, só reintegrou os trabalhos na quarta-feira por decisão sua, para evitar uma possível "fadiga crónica".

"Estava previsto chegar ontem [quarta-feira]. O Marega, em dezembro e janeiro, fez uma sequência de jogos enorme. Depois da CAN, contactámos os responsáveis do Mali para saber a condição física do Marega e sabíamos que poderia entrar em fadiga crónica. Como responsável máximo, entendi que era importante ele ter uns dias, para vir com os níveis físicos excelentes", esclareceu.

O Vitória de Guimarães, quinto classificado com 35 pontos, defronta o Paços de Ferreira, 15.º com 17, pelas 20:30 de domingo, no Estádio Capital do Móvel, em Paços de Ferreira, em jogo que será dirigido por tiago Martins, da associação de Lisboa.

TYME // VR

AdChoices
AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon