Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Coleção Masaveu destaca pintura espanhola do séc. XIX

Madrid alarga a oferta artística com um tesouro até agora desconhecido. Ao instalar a nova sede na capital espanhola, a Fundação María Cristina Masaveu Peterson abre as portas a uma coleção que representa um dos fundos privados mais importantes do país. A estreia ao público é feita com a exposição "Pintura Espanhola do século XIX", que reúne quadros de 47 pintores, de Francisco de Goya a Federico de Madrazo ou Anglada Camarasa. Uma exibição que guarda um lugar de relevo para Joaquín Sorolla, mostrando 25 obras do pintor impressionista. Javier Barón, curador: "É um conjunto de 117 obras representativas de toda a pintura espanhola do século XIX, desde o princípio, com Goya, até ao fim, com o modernismo catalão." A exposição "Pintura Espanhola do século XIX: de Goya ao Modernismo" está patente na Fundação María Cristina Masaveu Peterson, em Madrid, até 31 de dezembro de 2020.
image beaconimage beaconimage beacon