Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Negócio fechado. Sky aceita proposta de 27,7 mil milhões de euros da Fox

Logótipo de ECO.PT ECO.PT 11/07/2018 ECO
© Fornecido por ECO - Economia Online © Swipe News, SA © Fornecido por ECO - Economia Online

O grupo televisivo Sky aceitou os termos da proposta de Rupert Murdoch, através da sua 21st Century Fox, permitindo ao magnata australiano controlo total da televisão europeia Sky.

O negócio está fechado. O grupo televisivo Sky aceitou os termos da proposta de Rupert Murdoch, através da sua 21st Century Fox, permitindo ao magnata australiano controlar totalmente a televisão europeia Sky, avançou o Financial Times (conteúdo em inglês, acesso pago) durante a manhã desta quarta-feira. O negócio será feito por 27,7 mil milhões de euros, em parte devido a uma oferta rival da norte-americana Comcast, que obrigou Murdoch a subir o valor que estava disposto a dar.

Na quarta-feira passada, a Fox já tinha dito que concordou em pagar 14 libras por ação pela Sky, um valor superior comparado ao acordo original de 10,75 libras por ação que fez com a empresa londrina em dezembro de 2016. Para o comité internacional da televisão europeia, a oferta “representa um aumento substancial no valor em relação à oferta da Comcast”, que era de 12,50 libras por ação.

“Esta transação transformadora posicionará a Sky de modo que ela possa continuar a competir dentro de um ambiente que agora inclui algumas das maiores empresas do mundo, mas nenhuma delas demonstrou a mesma profundidade local de investimento e compromisso com o Reino Unido e para a Europa”, disse a Fox.

No entanto, apesar de o negócio parecer fechado, a empresa de Murdoch ainda não recebeu autorização do Governo do Reino Unido para a aquisição da Sky. Ainda que tenha mostrado abertura para aceitar o negócio, caso não prejudique a pluralidade dos media britânicos, a decisão do Governo é esperada até sexta-feira.

O grupo televisivo Sky, líder de TV paga no Reino Unido, tem sido um grande alvo de interesse para várias empresas. O negócio acontece numa altura em que os grandes grupos procuraram fazer frente a serviços de streaming, como é o caso da Netflix.

AdChoices
AdChoices

Mais de Eco.pt

AdChoices
image beaconimage beaconimage beacon