Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Orçamento da Eurozona ainda sem fonte de financiamento

Os ministros das Finanças da zona euro chegaram a acordo sobre um orçamento do Eurogrupo, mas não conseguiram definir as bases principais e decidiram posseguir as conversações nos próximos meses. No final das reuniões de quinta e sexta-feira, Mário Centeno, o presidente do Eurogrupo, afirmou: "Quando se fala de orçamento, o tamanho é importante e isso será decidido pelos líderes ainda este ano, mas a definição dos instrumentos é também importante. Quanto ao financiamento, abordámos uma vasta área, mas há ainda trabalho a fazer para definir as fontes apropriadas". A reunião serviu também para aumentar a pressão sobre a Itália com vista à redução da dívida. O ministro francês, Bruno Le Maire disse: "A comissão estendeu a mão à Itália. Espero que a Itália agarre essa mão, porque é no nosso interesse comum encontrar o caminho para uma solução construtiva". A resposta de Itália não mudou. O ministro das Finanças, Giovanni Tria, diz que Roma não precisa de adotar novas medidas fiscais para obedecer às regras da União Europeia.
image beaconimage beaconimage beacon