Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

OCDE anuncia revisão em baixa das previsões de crescimento mundial

O relatório com a atualização das projeções da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento (OCDE) sobre a economia mundial é divulgado apenas esta terça-feira. No entanto, o secretário geral da OCDE, Angél Gurria, adianta que o crescimento global vai ser revisto em baixa. Em entrevista à euronews, o economista mexicano aponta para valores na ordem dos 3,1 ou 3,2 por cento e justifica nova quebra nas previsões com a escalada da guerra comercial entre Estados Unidos e China. "O que é que acontece quando temos tensões comerciais? Basicamente, o investimento ressente-se. Por que razão é que investimos? Investimos para produzir e para vender alcançando um lucro razoável. E se não sabemos se vamos ter acesso aos mercados ou a que taxas vamos estar sujeitos e quais as taxas que os consumidores vão ter de pagar... Porque tudo isto vai cair sobre os consumidores. No fundo, deixa-se de investir", explica. O retrato traçado pela OCDE ao longo do último ano revela assim uma descida de quase um ponto percentual nas projeções para o crescimento mundial. Numa antevisão do que vai ser o Fórum da OCDE, que arranca esta terça-feira, em Paris, Ángel Gurria indica a "reconstrução da confiança das pessoas nas instituições" como o maior desafio mundial.
image beaconimage beaconimage beacon