Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Wall Street fecha mista com dados do emprego a aumentar receios com subida dos juros

Logótipo de ECO.PT ECO.PT há 2 dias Joana Abrantes Gomes
© Fornecido por ECO - Economia Online © Swipe News, SA © Fornecido por ECO - Economia Online A bolsa de Nova Iorque encerrou mista esta sexta-feira, penalizada pelas perdas da Tesla e de outras ações de tecnologia. O dia foi marcado pela divulgação de sólidos dados do emprego nos EUA, o que alimenta as preocupações dos investidores relativamente à subida das taxas de juro pela Reserva Federal.

O índice alargado S&P 500 caiu 0,17% para 4.145,08 pontos, enquanto o tecnológico Nasdaq cedeu 0,54% para 12.652,38 pontos. Em destaque estiveram as perdas de quase 7% da Tesla, bem como as quedas de 2,03% da Meta (dona do Facebook) e de 1,24% da Amazon.

Contrariando esta tendência negativa, o industrial Dow Jones ganhou 0,22% para 32.798,74 pontos.

De acordo com o relatório divulgado na manhã desta sexta-feira pelo Departamento de Estatísticas do Trabalho norte-americano, a taxa de desemprego nos Estados Unidos recuou uma décima em julho, para 3,5%, enquanto o número de desempregados caiu para 5,7 milhões.

No mesmo mês, foram criados 528 mil empregos, referiu aquela entidade, destacando que os números do mercado de trabalho do país já estão em níveis pré-pandemia de Covid-19.

Reagindo a estes dados, o Presidente dos EUA, Joe Biden, sublinhou a descida da taxa de desemprego, que considerou espelhar um “progresso significativo” para os trabalhadores e para as suas famílias.

O relatório trouxe algum otimismo relativamente ao estado da maior economia mundial, após uma contração no primeiro semestre do ano, mas “traiu” as expectativas dos investidores de que a Fed iria abrandar com a política agressiva de subida das taxas de juro.

“Tudo isto tem a ver com a Fed. Um relatório de emprego muito forte como o que tivemos pressiona a Fed a apertar durante mais tempo”, disse Adam Sarhan, chefe executivo de 50 Investimentos Park, citado pela Reuters.

]]>
AdChoices
AdChoices

Mais de Eco.pt

image beaconimage beaconimage beacon