Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Finance - Top Stories - Finanças pessoais, negócios, carreira e luxo

Vais pedir dinheiro ao banco para comprar casa? Melhor saber tudo sobre os intermediários de crédito

Logótipo de idealista idealista 11/09/2019 Redação
mohamed Hassan/Pixabay © mohamed Hassan/Pixabay mohamed Hassan/Pixabay

Numa altura em que os bancos parecem estar disponíveis para emprestar dinheiro para a compra de casa, há termos rebuscados da linguagem do crédito à habitação que importa tentar descodificar. Hoje explicamos-te tudo sobre os intermediários de crédito: quem são, o que fazem e como atuam no setor.  

Este é o 14º conceito da rubrica que o idealista/news tem em parceria com a Deco para trocar por miúdos, descomplicando, os termos complexos utilizados pelos bancos com os clientes na negociação e contratação de empréstimo para a compra de casa.

O que é um Intermediário de Crédito?

O Intermediário de Crédito não é um banco, mas sim uma pessoa singular ou coletiva de reconhecida idoneidade que participa ativamente no processo de concessão de crédito e por tal é remunerado.

O acesso à atividade de Intermediário de Crédito depende de autorização e de registo junto do Banco de Portugal (BdP).

Não está autorizado a conceder crédito, mas pode apresentar ou propor contratos de crédito a consumidores, apoiando-o na respetiva preparação, mesmo que tenham sido apresentados ou propostos por outra entidade.

Pode celebrar contratos de crédito com consumidores, mas somente em nome de uma instituição de crédito ou banco.

Pode também prestar serviços de consultoria e apresentar recomendações personalizadas sobre os contratos de crédito e tem o dever de assistência ao consumidor.

Mesmo quando haja a intervenção do Intermediário de Crédito, o crédito só pode ser concedido por uma instituição de crédito autorizada pelo BdP.

São três as categorias de Intermediários de Crédito, que obedecem a regras especificas:

  • Intermediário de crédito vinculado;
  • Intermediário de crédito a título acessório;
  • Intermediário de crédito não vinculado (só pessoa coletiva).

Os Intermediários de Crédito não podem exercer atividade em mais do que estas categorias. 

Os intermediários de crédito vinculados ou a título acessório são remunerados pela instituição de crédito com quem têm contrato enquanto os não vinculados podem ser remunerados pelos consumidores a quem prestam serviços.

Nota: Expressões do tipo “intermediário de crédito”, “mediador de crédito”, “agente de crédito” ou equivalentes, na firma ou denominação, são de uso exclusivo dos Intermediários de Crédito autorizados.

Se tiveres alguma expressão e/ou sigla que pretendas ver descomplicada envia-nos um email para o seguinte endereço: gas@deco.pt.

AdChoices
AdChoices

Mais do idealista

image beaconimage beaconimage beacon