Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Fiat Chrysler propõe fusão com a Renault

O construtor automóvel italo-norte-americano Fiat Chrysler, FCA, apresentou uma proposta de fusão ao construtor francês, Renault. A proposta foi descrita como "transformativa". A ser aceite, o novo grupo passaria a ser o terceiro maior a nível mundial. A proposta é alvo de discussão esta segunda-feira no seio da administração da Renault. A confirmar-se, o novo grupo poderá gerar poupanças anuais na ordem dos cinco mil milhões de euros. No entanto, a fusão poderá comprometer a aliança entre a Renault e os construtores japoneses, Nissan e Mitsubishi. Reagindo ao anúncio, o presidente e diretor-executivo da Nissan afirma estar aberto ao diálogo a fim de reforçar a cooperação com a Renault. Nos últimos anos a indústria automóvel tem vindo a enfrentar desafios crescentes como a passagem aos veículos elétricos, redução de emissões poluentes e novas tecnologias como a autonomia.
image beaconimage beaconimage beacon