Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Estilo, Moda, Família, Relações e Vida

Harvard dá os três melhores conselhos para cuidar da pele

Logótipo de Notícias ao Minuto Notícias ao Minuto 11/08/2017 Daniela Costa Teixeira
Ter uma pele cuidada não é apenas um sinónimo de confiança, é igualmente um espelho de boa saúde.: Harvard dá os três melhores conselhos para cuidar da pele © iStock Harvard dá os três melhores conselhos para cuidar da pele

De nada vale gastar pequenas fortunas em produtos de cosmética quando os cuidados diários com a pele são poucos ou até mesmo nulos. Comprar cremes para mil e uma finalidades apenas "vai tirar mais dinheiro à carteira do que sujidade e oleosidade ao rosto", diz a Universidade de Harvard.

De acordo com a instituição, os cremes não fazem milagres por si só, sendo preciso ter alguns cuidados diários (seja de forma direta na pele ou indireta, através da boa alimentação, por exemplo) e sobretudo conhecer a própria pele, como a dermatologista Pucci Romano já nos tinha alertado.

Para um cuidado diário da pele, a Universidade de Harvard diz que podemos reduzir a rotina a três simples passos. E é tão simples quanto isto:

1 - Limpar a pele, recorrendo a um produto de limpeza que se adeque ao tipo de pele, se seca ou oleosa. No caso das peles secas, e para evitar que fiquem ainda mais secas, deve-se optar por produtos de ação média, já quando a pele é oleosa, o mais indicado é recorrer a um produto que remova a oleosidade e mantenha e pele mais seca ao longo do dia.

2 - Proteger a pele do sol... todo o ano. Apesar desta ser uma preocupação mais constante (ou quase única) no verão, a proteção contra a ação do sol deve ser feita diariamente, usando um filtro solar sempre acima dos 30.

3 - Prestar atenção a cuidados específicos. Se a pele é sensível, deve-se comprar cremes e produtos para esses fins, se o objetivo é travar as rugas, deve-se apostar numa alimentação saudável e num creme eficaz, e por aí adiante. Diz a Universidade de Harvard que as pessoas devem apenas usar o que realmente precisam.

AdChoices
AdChoices

Mais do Notícias ao Minuto

image beaconimage beaconimage beacon