Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Tarantino lança apelo aos festivaleiros

Vencedor da Palma d'Ouro em 1994 com "Pulp Fiction", o cineasta americano tenta repetir o feito no festival de cinema do sul de França com uma fita que junta Brad Pitt e Leonardo DiCaprio. Na véspera da projeção Quentin Tarantino publicou no Twitter uma carta na qual pede à audiência desta terça-feira para não fazerem revelações que impeçam o restante público de ter uma experiência cinematográfica semelhante. "Eu amo o cinema. Vocês amam o cinema. Trata-se da viagem que é descobrir uma história pela primeira vez. Estou emocionado por estar aqui em Cannes para partilhar "Era uma vez... em Hollywood" com a audiência do festival. O elenco e a equipa trabalharam bastante duro para criar algo original e eu peço apenas para que evitem revelar qualquer coisa que possa impedir o restante público de viver o filme da mesma forma." A história desenrola-se em 1969, em Los Angeles, aborda as aventuras de uma estrela da TV e do seu duplo e tem como pano de fundo os assassinatos de Charles Mason. Margot Robbie, Al Pacino e Kurt Russel completam o elenco de "Era uma vez... em Hollywood". O 9° filme de Tarantino sai para as salas de cinema a 26 de julho.
image beaconimage beaconimage beacon