Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Anilton Cabral, cabo-verdiano irresistível: “Nunca tive problemas com as miúdas”

Logótipo de Pára Tudo! Pára Tudo! há 6 dias Pára Tudo África
© Instagram Anilton Cabral © Instagram Anilton Cabral © Instagram Anilton Cabral

O manequim de 22 anos, natural da Praia (Ilha de Santiago), nunca imaginou desfilar ao lado dos modelos internacionais que seguia no Instagram. Um caminho que começou há quatro anos, num concurso da escola, e nunca mais parou.

Como começou no mundo da moda?

Tudo começou em 2015, quando fui eleito Mister Liceu Domingo Ramos, na minha escola, e, logo após, Mister Interliceus, onde havia participantes de todas as escolas da minha ilha. A seguir recebi um convite para trabalhar numa agência de modelos local.

Sempre quis ser modelo?

Nunca passou pela minha cabeça ser modelo. Foi algo que cruzou o meu caminho e vi a oportunidade. Desde então comecei a cultivar, por dentro e por fora, o potencial que estava em mim.

© Da Banda © Fornecido por Pára Tudo! © Da Banda

Na escola fazia sucesso com as miúdas?

Nunca tive problema com as miúdas, principalmente na escola. Sou o tipo de aluno muito simpático, que tira boas notas, pratica desporto, fala com todo o mundo. Ou seja, já tinha a popularidade. E quando venci aqueles concursos… (risos) nem vou falar.

Os seus pais apoiam a escolha ou preferiam que tivesse outra profissão?

A minha mãe sempre esteve comigo, acreditando e apoiando no que podia. Nunca senti receio ou resistência por parte dos meus pais em ser modelo.

Já fez outros trabalhos para além da moda?

Cresci apenas com a minha mãe, então comecei a trabalhar muito cedo para poder ajudar com as despesas, ao mesmo tempo que estudava. Já trabalhei em papelaria, restaurante, bar, casa nocturna, fui relações públicas nas feiras, fiz voluntariado.

TERRITÓRIO PEQUENO, BELEZA GRANDE

© Instagram Anilton Cabral © Instagram Anilton Cabral © Instagram Anilton Cabral

Há muitos modelos masculinos cabo-verdianos?

Olha, vou deixar aqui uma dica, Cabo Verde é um ninho de modelos para agências que souberem investir, como a Da Banda. Tem gente bonita com traços, referências. Somos um país muito pequeno, mas temos modelos com potencial em todo mercado internacional.

Quem são as suas referências na moda?

Os modelos que tomo como referência na moda são Alpha Dias, Alton Mason, Felix Gesnouin, Fernando Cabral, Fábio Tavares e Francisco Henriques, entre outros.

Conhece a Alécia Morais?

Sim conheço, é a nossa modelo internacional das ilhas das montanhas em Cabo Verde, agora pertencemos à mesma família, na agência Da Banda. Gosto muito dos trabalhos dela, sigo-a no Instagram. Quando entrei para a família Da Banda, ela e a Cláudia Morais foram as minhas referências de que estava no caminho certo.

© Da Banda © Fornecido por Pára Tudo! © Da Banda

Desfilou esta temporada na semana da moda em Lisboa. O que significou?

Foi uma experiência simplesmente incrível, é algo que já ficou gravado aqui na minha memória, por ser a minha primeira participação internacional e ter oportunidade de partilhar o backstage e a passarela com os modelos que apenas sigo no Instagram. Foi um grande privilégio desfilar para o estilista português Nuno Gama. A moda Lisboa abriu-me as portas para a minha carreira internacional.

“TENHO MUITAS SAUDADES DA MINHA MÃE”

Quais são as suas ambições?

São grandes, pretendo chegar às marcas de alta costura.

© Da Banda © Fornecido por Pára Tudo! © Da Banda

Para quem deseja desfilar?

Gostaria muito de poder desfilar para marcas como Armani, Tom Ford, Calvin Klein, Hugo Boss, Chanel e Louis Vuitton, entre outras.

O que o diferencia dos restantes modelos?

Sou muito humilde, honesto e focado nos meus objectivos. Acho que é isso e as minhas particularidades individuais.

O que têm de especial os homens cabo-verdianos?

Os cabo-verdianos já nascem especiais, com a morabeza e a cultura única. É o povo que não tem medo de sair da sua zona de conforto para correr atrás dos objectivos.

© Da Banda © Fornecido por Pára Tudo! © Da Banda

Vive agora em Portugal. Tem saudades de Cabo Verde?

Acabei de chegar, mas já estou com saudade de Cabo Verde, do clima, do mar, mas principalmente da minha mãe. Tenho muitas saudades dela.

Tem namorada?

Sim, estou namorando.

Como lida ela com o facto de ter um namorado modelo?

Lidamos bem com isso, porque somos os dois modelos.

© Instagram Anilton Cabral © Instagram Anilton Cabral © Instagram Anilton Cabral
AdChoices
AdChoices

Mais de PáraTudo

image beaconimage beaconimage beacon