Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Arquivada burla a Angola com empresários portugueses

O Estado angolano garante que ainda não foi notificado do arquivamento de um processo a uma alegada burla, no valor de mais de 100 milhões de euros, aos cofres do país. O caso envolvia o filho de um ministro angolano, vários empresários portugueses e o antigo presidente do BES Angola, Álvaro Sobrinho. O Ministério Público diz que não encontrou suficientes indícios de crime.
image beaconimage beaconimage beacon