Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Adrien a 200... rumo à saída?

Logótipo de Zerozero.pt Zerozero.pt há 6 dias Rodrigo Coimbra
Adrien a 200... rumo à saída? © Global Imagens / Tony Dias Adrien a 200... rumo à saída?

A receção ao Chaves, agendada para domingo, marca o fim de temporada no universo leonino e pode também ditar o último jogo de Adrien Silva com a camisola do Sporting. Os leões defrontam os flavienses na última jornada do Campeonato português num jogo de sabor agridoce para o internacional luso.

Caso entre nas contas de Jorge Jesus, o capitão dos leões atinge o jogo 200 na Liga portuguesa, um número redondo para um médio que tem sido uma verdadeira extensão do treinador dentro de campo, num ano em que o Sporting ficou muito aquém das expectativas traçadas pelo presidente Bruno de Carvalho no arranque da época.

Pese o terceiro lugar na Liga NOS e a eliminação na fase de grupos da Liga dos Campeões, Adrien Silva não perdeu interessados na sua contratação, muito pelo contrário, mantendo-se como um dos ativos mais valorizados no plantel verde e branco, a par de William Carvalho, Rui Patrício e Gelson Martins.

O campeão europeu ao serviço de Portugal, no último Campeonato da Europa, realizado em França, esteve perto de sair no verão com destino a Inglaterra, nomeadamente ao Leicester City, mas a SAD leonina não cedeu à investida do campeão inglês, fazendo valer a cláusula de rescisão cifrada em 45 milhões de euros, contrariando a vontade de Adrien.

Paulo Bento lançou o miúdo em 2007

Adrien Silva é um dos indiscutíveis do Sporting. Dono da braçadeira de capitão, o camisola 23 conquistou a pulso um lugar cativo no meio campo dos leões, depois de dois empréstimos a Maccabi Haifa e Académica de Coimbra, respetivamente.

Mas, antes da experiência menos positiva em Israel e da passagem de sucesso pelos estudantes, Adrien Silva teve a oportunidade de jogar na equipa principal do Sporting. Paulo Bento lançou o miúdo, ainda com idade de júnior, no último minuto da 1.ª jornada da temporada 2007/2008, no primeiro de 199 jogos que já realizou no principal escalão do futebol português.

O médio permaneceu mais duas épocas em Alvalade, sempre sem grande protagonismo, antes de se destacar na Académica, que lhe mereceu bilhete de regresso ao clube onde cumpriu grande parte da formação.

Regresso de sucesso e... saída?

Regressou, teve sucesso e, tal como referido anteriormente, está na iminência de cumprir o jogo 200 no Campeonato e logo com a camisola do clube do coração. Será certamente um encontro muito especial para Adrien Silva, até porque o mercado começa a mexer e o médio pode sair para um projeto mais aliciante em termos desportivos e também do ponto de vista financeiro.

A Direção presidida por Bruno de Carvalho tem consciência do papel importante de Adrien Silva no plantel, assim como a importância que o jogador assume para o treinador Jorge Jesus. Ainda assim, não esquecer que o internacional português é um dos que pode gerar maior encaixe nos cofres do clube. E não há como fugir a essa questão.

AdChoices
AdChoices

Mais do Zerozero.pt

image beaconimage beaconimage beacon