Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

As aves estão em crise e a culpa é do homem

O número de aves diminuiu drasticamente na América do Norte desde 1970. Desapareceram três mil milhões de aves da natureza. As conclusões de um estudo publicado pela revista Science não deixam dúvidas: o homem é o culpado. As aves das zonas rurais são as mais afetadas, muito devido à extensão dos terrenos agrícolas e à utilização de pesticidas que matam insetos em toda a cadeia alimentar, mas os pássaros das zonas florestais também estão em declínio. Noventa por cento das perdas tiveram lugar entre 12 famílias de aves encontradas nos Estados Unidos e Canadá, incluindo pardais, melros ou pintassilgos. "Os pássaros estão em crise", disse também o co-autor deste estudo. Os patos e gansos são a grande exceção. Depois de terem estado ameaçadas, as populações destas aves aumentaram desde os anos 70, graças às medidas de proteção e ao apoio dos caçadores. Os pássaros são fundamentais em muitos ecossistemas. São predadores e presas, espalham as sementes e controlam as pragas. Quando uma grande parte da da população desaparece isso perturba toda a cadeia da vida, da qual todos dependemos.
image beaconimage beaconimage beacon