Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Greve deixa 40% das bombas sem combustíveis em Portugal

Cerca de 40% dos postos de abastecimento em Portugal estavam inativos ou em pré-rutura quarta-feira à tarde, na sequência da greve dos motoristas de matérias perigosas. O protesto começou na segunda-feira e 24 horas depois o Governo português declarou uma crise energética. Os motoristas pedem a criação de uma categoria especial para quem conduz camiões que transportam matérias perigosas e melhores salários. Esta quarta-feira, os condutores procuraram as bombas que ainda tinham combustíveis e fartaram-se de esperar... A correspondente da Euronews em Portugal, Filipa Soares, falou com alguns dos condutores, preocupados por razões diferentes.
image beaconimage beaconimage beacon