Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Morreu estudante norte-americano condenado pela Coreia do Norte

Logótipo de TSF TSF 19/06/2017 TSF

Otto Warmbier, de 22 anos, morreu num hospital de Cincinnati, no estado norte-americano do Ohio. O anúncio foi feito pela família do jovem, esta segunda-feira, através de um comunicado.

"Infelizmente, o horrível tratamento de tortura que o nosso filho recebeu às mãos da Coreia do Norte certificou-se de que não seria possível nenhum outro desfecho para além deste triste que experienciámos hoje", disseram os pais do jovem.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, já reagiu à morte do estudante. Trump afirmou que Otto Warmbier enfrentou "condições difíceis" e que a Coreia do Norte "é um regime brutal".

O jovem norte-americano estava internado no Centro Médico da Universidade de Cincinnati e terá morrido por voltas 14:20 desta segunda-feira.

O estudante tinha sido condenado a 15 anos de trabalhos forçados, na Coreia do Norte, por ter roubado um cartaz de cariz político, num hotel em Pyongyang, onde estava hospedado, em janeiro de 2016.

Otto Warmbier acabaria por cumprir apenas 17 meses da pena. O jovem terá entrado em coma há mais de um ano e acabou por ser libertado e retornado aos Estados Unidos, na semana passada.

image/jpeg

image/jpeg
© image/jpeg

Morreu estudante norte-americano condenado pela Coreia do Norte

O melhor do MSN em qualquer dispositivo


AdChoices
AdChoices

Mais da TSF

image beaconimage beaconimage beacon