Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Homem armado faz 31 reféns num autocarro no Brasil

Seis reféns foram libertados hoje do interior de um autocarro parado na ponte Rio de Janeiro - Niterói, uma via importante da segunda maior cidade do Brasil. O coronel Mauro Fliess, porta-voz da Polícia Militar, informou em entrevista ao canal de televisão GloboNews que além de arma de fogo o sequestrador também possui uma arma de choque e um recipiente com gasolina. O Batalhão de Operações da Polícias Especiais (BOPE), polícia de elite do Rio de Janeiro, está a liderar as negociações no local. Há outras equipas da polícia no cerco, incluindo atiradores de elite posicionados perto do autocarro. Fliess também disse que a Polícia Militar trabalha agora com a informação de que aproximadamente 37 pessoas estavam dentro do autocarro na hora do sequestro. Como cinco passageiros foram libertados, provavelmente outras 31 pessoas permanecem reféns. Ainda não há muitas informações sobre o caso e é desconhecida a motivação do sequestrador. O trânsito na ponte Rio de Janeiro - Niterói, uma via importante de ligação da baixada fluminense com a cidade do Rio de Janeiro está fechado desde às 7:20 da manhã (11:20 em Lisboa). O autocarro sequestrado provoca um grande constrangimento de trânsito naquele que é um dos principais acessos da cidade brasileira, sobre a baía de Guanabara, que tem já vários problemas de mobilidade.
image beaconimage beaconimage beacon