Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Campanha de Trump foi “intolerante”, “perigosa” e “deliberadamente destinada a acirrar maluquinhos”, diz Michelle Obama em novo livro

Logótipo de Expresso Expresso há 6 dias Expresso
Campanha de Trump foi “intolerante”, “perigosa” e “deliberadamente destinada a acirrar maluquinhos”, diz Michelle Obama em novo livro © Jonathan Bachman/Getty Images Campanha de Trump foi “intolerante”, “perigosa” e “deliberadamente destinada a acirrar maluquinhos”, diz Michelle Obama em novo livro

Ex-primeira-dama dos Estados Unidos vai lançar o livro “Becoming: a minha história” na próxima terça-feira no United Center de Chicago, num evento moderado por Oprah Winfrey

O livro de Michelle Obama conhece o cheirinho das livrarias e bibliotecas portuguesas na terça-feira. Em “Becoming: a minha história”, a ex-primeira dama dos Estados Unidos revela episódios da infância em Chicago, fala sobre a família, reflete sobre racismo e as dificuldades que sentiu quando casou com Barack, a quem a política levava para longe de casa, conta a Associated Press.

Outra temática que merece algumas páginas também, porventura mais apimentadas, é a eleição de Donald Trump. Segundo Michelle, a campanha do homem que sucedeu ao seu marido na Casa Branca foi “intolerante” e “perigosa”, “deliberadamente destinada a acirrar maluquinhos” [tradução livre], lembrando os ataques à cidadania de Barack Obama.

A antiga primeira-dama escreve ainda sobre a descrença que sentiu quando viu que mulheres preferiram votar em Trump, um “misógino”, em vez de Hillary Clinton. Quando foi publicado o vídeo em que Donald Trump revelava como lidava com as mulheres, onde proferiu a célebre frase “grab them by the pussy”, Michelle diz que sentiu “fúria”.

Relativamente ao casamento com o ex-Presidente americano, Michelle Obama admite que frequentaram um conselheiro para ajudá-los a ultrapassar os desafios matrimoniais numa fase inicial.

Michelle Obama vai lançar o livro na próxima terça-feira no United Center de Chicago, que vendeu bilhetes entre pouco mais de 25 euros e milhares de euros – 10% da receita será doada a escolas e instituições de caridade. Uma parte "significativa" das receitas terá como destino projetos de solidariedade, incluindo a Fundação Obama.

Oprah Winfrey será a moderadora do evento.


Veja também: Instinto de mãe identifica cancro no filho aos 2 meses de idade

A SEGUIR
A SEGUIR

AdChoices
AdChoices

Mais de Expresso

image beaconimage beaconimage beacon