Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

"Ele veio do infantário e disse 'tenho sonho, quero dormir' e dormiu... Para sempre"

Antes, Susana Silva sentiu que algo grave ia acontecer ao filho e escreveu um texto premonitório no hospital: "Sinto-me sem chão, impotente para ajudar o meu menino". O diagnóstico de Bernardo só chegou sete meses depois da morte: displasia fibromuscular da artéria coronária.

A SEGUIR

A SEGUIR

image beaconimage beaconimage beacon