Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

EUA. Casal condenado a prisão perpétua por maltratar os filhos

O casal que durante anos acorrentou os filhos numa casa nos Estados Unidos foi condenado à prisão perpétua, mas com possibilidade de pedir liberdade condicional ao fim de 25 anos. Antes de ler a sentença, o juiz lamentou o tratamento "egoísta, cruel e desumano" de que foram alvo os treze filhos do casal Turpin. Ainda assim, alguns dos jovens desculparam as atitudes dos pais. Depois de 25 anos de cadeia, Louise e David podem pedir liberdade condicional. Se lhes fôr negada, ficam na prisão até à morte. O caso foi descoberto há um ano quando uma das filhas conseguiu fugir daquela que ficou conhecida como "A Casa dos Horrores". Ao chegar ao local a polícia encontrou várias crianças acorrentadas às camas com correntes e cadeados, na escuridão e num ambiente sem condições sanitárias.
image beaconimage beaconimage beacon