Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Tribunal censura juíza por ter punido vítima de violência doméstica

Uma mulher vítima de violência doméstica foi condenada por ter acionado um botão de pânico. Segundo o Jornal de Notícias, uma juíza do Tribunal de Loures sentenciou a mulher a pagar 800 euros de multa ou a cumprir 26 dias de prisão, pelo crime de abuso e simulação de sinais de perigo. A vítima ativou a teleassistência, ao sentir-se ameaçada pelo ex-marido. O Tribunal da Relação de Lisboa reverteu a decisão, absolveu a mulher e deixa críticas à magistrada responsável pela condenação.
image beaconimage beaconimage beacon