Ao utilizar este serviço e o conteúdo relacionado, concorda com a utilização de cookies para análise, anúncios e conteúdos personalizados.
Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Barriga lisa sem treinar? Não é (de todo) impossível

Logótipo de Notícias ao Minuto Notícias ao Minuto 09/08/2017 Daniela Costa Teixeira
O exercício físico é um dos pilares da saúde e do bem-estar, mas se o objetivo é ter uma barriga mais lisa, o segredo pode estar noutros aspetos.: Barriga lisa sem treinar? Não é (de todo) impossível © iStock Barriga lisa sem treinar? Não é (de todo) impossível

Perder peso de forma gradual, saudável e consciente requer sempre a combinação de dois fatores: dieta e exercício físico. No que diz respeito a este último, trata-se de uma das formas mais eficazes de conseguir dizer adeus aos quilos extra e, ao mesmo, tempo conseguir ganhar mais uns anos de vida cheios de saúde e qualidade.

Contudo, quando o objetivo é ter uma barriga lisa a longo prazo, os exercícios abdominais pouco ou nada fazem quando a alimentação é má, aliás, o exercício em si pouco ou nada faz por uma barriga lisa quando os hábitos são geralmente maus.

Na prática, destaca o site Deporte y Vida do jornal As, na hora de procurar perder aqueles 'pneuzinhos' teimosos na barriga, a chave do sucesso está mesmo na alimentação, mais concretamente em seis aspetos alimentares que devem fazer parte da rotina diária.

Beber água, por exemplo, é um dos métodos mais eficazes, especialmente quando uma parte é ingerida antes das refeições, mantendo o organismo devidamente hidratado e capaz de diferenciar a fome da sede.

Fazer refeições mais pequenas, mas mais frequentes ao longo do dia (no mínimo cinco refeições diárias) é um outro aspeto a ter em conta e vai ao encontro da velha máxima de que os olhos comem mais do que a barriga, sim um prato pequeno cheio é suficiente para saciar uma pessoa.

Para que a barriga lisa seja sinónimo de mais saúde, há ainda que apostar nos alimentos ricos em fibra, que melhoram o trânsito intestinal e reduzem ainda a sensação de inchaço e a inflamação do estômago.

O consumo reforçado de proteína é também importante pelo simples facto de ser de difícil digestão, o que faz com que o organismo queime mais calorias e, com isso, promova uma maior perda de gordura. Contudo, é importante escolher sempre as proteínas magras.

E, por fim, mas não menos importante na luta por uma barriga lisa, a ingestão de gorduras insaturadas assume-se como um dos principais segredos. O abacate, os frutos secos e o azeite devem ser as fontes de gordura de eleição.

AdChoices
AdChoices

Mais do Notícias ao Minuto

image beaconimage beaconimage beacon