Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Quinta de São Bernardo: Um dos melhores segredos do Douro

Logótipo de Boa Cama Boa Mesa Boa Cama Boa Mesa 11/10/2018 Pedro José Barros
Quinta de São Bernardo: Um dos melhores segredos do Douro © Boa Cama Boa Mesa Quinta de São Bernardo: Um dos melhores segredos do Douro

Estaciona-se perto da linha de caminho-de-ferro e depressa se desfaz a dúvida: é mesmo ali. A receção da Quinta de São Bernardo – Winery & Farmhouse, em Mesão Frio, não fica muito longe, mas mesmo assim há um “mini farm shuttle” disponível para ajudar com as malas e atenuar o esforço. Só um detalhe? Talvez, mas para alguns “pode fazer diferença” e nos detalhes somam-se virtudes.

© Fornecido por IMPRESA

Aprecia-se o corropio à entrada. Os check-ins, as perguntas sobre os vinhos e produtos portugueses expostos na loja e as provas de vinhos a decorrer na sala ao lado. Vem à cabeça a palavra “dinâmica”. E vem para ficar. Uma breve “ronda” inicial revela casais de copo na mão, no bar, aproveitando o sol na vidraça. Outros preferem o bonito terraço, mas ninguém fica indiferente à vista para as vinhas e o rio Douro.

© Fornecido por IMPRESA
A Quinta de São Bernardo abriu ao público em julho de 2016. O avô de Diogo Monteiro já aqui produzia vinho e foi em sua homenagem que ele e a esposa, Marcela Castelo Branco, construíram uma adega para fazer vinhos de mesa. Todos os dias há provas (às 15h30), abertas a visitantes e com visita à adega. Servem-se nove vinhos (€60), com enólogo e sem hora para terminar. Também dá para marcar provas de cinco vinhos (€35), às 11h30. Ou então provar três vinhos (€10 a €20), sem marcação.

© Fornecido por IMPRESA

Este alojamento local (abre de abril a outubro) tem sete quartos (desde €165), alguns com varanda, e duas brilhantes villas com decks exteriores, piscinas privadas e sun-beds. Ficamos mesmo por ali, a ouvir um som, a fitar o horizonte e a visitar a mini-garrafeira. Ou então a nadar, a ler um livro, a tentar adormecer... Quando for altura de “ir à cidade”, brinca Diogo, basta subir as escadas ou apanhar o elevador, e vê-se alguém.

Mas sabe bem continuar “no campo”, caminhando junto às vinhas e árvores de fruto, cheirando as aromáticas da horta biológica, “preguiçando” na piscina panorâmica – onde, por vezes, se projetam filmes ao ar livre - e espreitando as cabras anãs, os coelhos e as galinhas japonesas. Há um parque infantil para os mais novos e uma lareira exterior para aquecer as tardes frias. As bicicletas, canoas e o material de paddle estão à distância da vontade...

© Fornecido por IMPRESA

Tal como nos quartos, para o mobiliário e decoração das salas de estar e de jogos recorreu-se a materiais nacionais e ideias retiradas das viagens. “Todos os fins-de-semana vou ao Porto e venho com o carro cheio de coisas”, conta Diogo. Não há regras muito rígidas para comer na Quinta de São Bernardo (Caminho do Rio, 33, Vila Jusã, Mesão Frio. Tel. 967 293 773). Importa sair satisfeito, seja com os produtos frescos, sumos e compotas caseiros, ao pequeno-almoço, ou com acomida de conforto do menu do dia – há ainda opções vegetarianas e para pessoas com restrições alimentares – ao jantar, que pode servir na varanda, à luz da vela e da lua.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook e no Instagram!

AdChoices
AdChoices

Mais de Boa Cama Boa Mesa

Boa Cama Boa Mesa
Boa Cama Boa Mesa
image beaconimage beaconimage beacon