Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Rafael Nadal cai nas meias-finais de Monte Carlo

O tenista espanhol Rafael Nadal foi este sábado eliminado nas meias-finais do Masters 1000 de Monte Carlo, ao perder com o italiano Fabio Fognini em dois sets, com os parciais de 6-4 e 6-2 em apenas uma hora e 37 minutos. O número dois do ranking mundial, que já conquistou onze edições do torneio, foi surpreendido pela boa entrada de Fognini no encontro e pelo forte vento que se fez sentir no 'court'. Foi a quarta vitória da carreira para o 18º cotado do ranking ATP em 15 duelos com Nadal, das quais três foram em terra batida, o piso em que o espanhol se coroou rei do circuito. Após a vitória sobre o segundo cabeça de série da prova, o tenista italiano vai disputar a 19.ª final de singulares da carreira, na qual procura conquistar o nono título, menos de um ano depois de ter vencido o ATP 250 de Los Cabos, no México, em agosto de 2018. Na outra meia-final também se registou uma surpresa, com o sérvio Dusan Lajovic a contrariar o favoritismo do russo Daniil Medvedev, número 14 do mundo e décimo cabeça de série do torneio, que venceu pelos parciais de 7-5 e 6-1. É a primeira final de singulares da carreira para o sérvio, que garantiu o feito ao fim de uma hora e 36 minutos de jogo. Lajovic, que ocupa apenas o número 48 da hierarquia mundial, é o tenista com o ranking mais baixo a atingir o jogo do título em Monte Carlo desde 2001, quando o marroquino Hicham Arazi chegou à final, mas acabou por deixar escapar a vitória para o brasileiro Gustavo Kuerten.

A SEGUIR

A SEGUIR

image beaconimage beaconimage beacon