Está a utilizar uma versão de browser mais antiga. Utilize uma versão suportada para obter a melhor experiência possível com o MSN.

Acordo de rendimentos: o modo como tem sido tentado é muito estranho

João Vieira Lopes, presidente da Confederação do Comércio e Serviços de Portugal, diz que todo o processo de negociação do acordo de rendimentos "tem sido muito estranho", o que só pode ser entendido de duas formas: ou é incapacidade do governo ou uma tentativa de pressionar os parceiros, a duas semanas de apresentar o orçamento do Estado.

A SEGUIR

A SEGUIR

image beaconimage beaconimage beacon