Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Liam Payne, Fábio Assunção, Giovanna Chaves... Relembre os famosos que já abriram o jogo sobre a dependência química

Logotipo de Estrelando Por Da Redação de Estrelando | Slide 1 de 17: Lidar com o abuso de substâncias é sempre complicado, e fazer isso publicamente quando se é uma pessoa famosa é ainda mais difícil. Liam Payne, do One Direction, conversou com Steven Bartlett no podcast Diary of a CEO, e revelou que sofreu com o abuso de álcool e drogas na época em que fazia parte do grupo teen. Durante a conversa, Liam admitiu que teve sérios problemas ligados aos vícios e a sua saúde mental durante os tempos da One Direction, e que chegou até mesmo a enfrentar pensamentos suicidas - mas que havia mantido tais assuntos em segredo até o momento. No papo, ele conta também que o uso de drogas e bebidas veio como uma maneira de lidar com o assédio: - Havia algumas fotos minhas em um barco e eu estava todo inchado. Chamo aquilo de minha cara de drogas e bebida. Meu rosto era dez vezes maior do que é agora. O problema era que a melhor maneira de nos proteger era nos trancar em nossos quartos, e o que há no quarto? Um mini-bar. Então eu dei uma festa para um que pareceu durar anos. Foi selvagem, mas a única maneira de você livrar a frustração. Além disso, o cantor admitiu que a pandemia do coronavírus fez com que ele voltasse a beber o que, por consequência, o fez ganhar peso. E isso afetou também sua autoestima. Confira a matéria completa aqui. A seguir, confira mais celebridades que abriram o jogo sobre a dependência de substâncias.

Lidar com o abuso de substâncias é sempre complicado, e fazer isso publicamente quando se é uma pessoa famosa é ainda mais difícil. Liam Payne, do One Direction, conversou com Steven Bartlett no podcast Diary of a CEO, e revelou que sofreu com o abuso de álcool e drogas na época em que fazia parte do grupo teen. Durante a conversa, Liam admitiu que teve sérios problemas ligados aos vícios e a sua saúde mental durante os tempos da One Direction, e que chegou até mesmo a enfrentar pensamentos suicidas - mas que havia mantido tais assuntos em segredo até o momento. No papo, ele conta também que o uso de drogas e bebidas veio como uma maneira de lidar com o assédio: - Havia algumas fotos minhas em um barco e eu estava todo inchado. Chamo aquilo de minha cara de drogas e bebida. Meu rosto era dez vezes maior do que é agora. O problema era que a melhor maneira de nos proteger era nos trancar em nossos quartos, e o que há no quarto? Um mini-bar. Então eu dei uma festa para um que pareceu durar anos. Foi selvagem, mas a única maneira de você livrar a frustração. Além disso, o cantor admitiu que a pandemia do coronavírus fez com que ele voltasse a beber o que, por consequência, o fez ganhar peso. E isso afetou também sua autoestima. Confira a matéria completa aqui. A seguir, confira mais celebridades que abriram o jogo sobre a dependência de substâncias.
© Divulgação

Mais de Estrelando

image beaconimage beaconimage beacon