Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Jandrei faz milagres nos acréscimos, impede Inter de retomar a liderança e Chape deixa o Z4

Logotipo do(a) oGol oGol 18/09/2018 ogol.com.br
© Foto: Sirli Freitas/Chapecoense/Dovulgação

O Internacional perdeu a chance de se isolar no topo da tabela do Brasileiro. Depois de abrir o placar com Nico López na Arena Condá, o Colorado cedeu a virada para a Chapecoense com dois gols de Leandro Pereira e ainda viu Jandrei defender pênalti e fazer outra grande defesa nos acréscimos para segurar o 2 a 1.

A 25ª rodada parecia perfeita para o Inter, com tropeços dos três concorrentes mais próximos. No entanto, o time gaúcho acabou derrotado. Com 49 pontos, perdeu também a liderança para o São Paulo, com 50 após o empate com o Santos, neste domingo. Já a Chape foi a 28 e ultrapassou Vasco e Ceará, voltando à 16ª posição, fora da zona de rebaixamento.

Chape se recupera após penalidade

Jandrei faz milagres nos acréscimos, impede Inter de retomar a liderança e Chape deixa o Z4 © Ricardo Duarte Jandrei faz milagres nos acréscimos, impede Inter de retomar a liderança e Chape deixa o Z4

Precisando da vitória para encerrar a rodada fora do Z4, a Chapecoense tratou de tomar a iniciativa. O Inter já parecia esperar por isso, fechado na defesa e explorando os lançamentos para Nico López e Pottker. No entanto, a marcação do líder esteve abaixo do ideal, principalmente pelos lados do campo, dando muitos espaços para cruzamentos.

De qualquer forma, o Inter saiu na frente e graças a um contra-ataque. Pottker avançou em velocidade para a área e viu Thyere e Jandrei se atirarem de carrinho para o desarme. O árbitro viu pênalti no confuso lance e López cobrou para o 1 a 0.

A Chape aumentou sua presença ofensiva depois do gol e quase empatou em cobrança de falta de Diego Torres, no contrapé de Marcelo Lomba, que só observou a bola tocar o travessão.

Antes do intervalo, os donos da casa foram recompensados pelo bom jogo. Eduardo escapou com facilidade pela direita e cruzou para Leandro Pereira cabecear no canto, sem a mínima chance de defesa.

Virada e milagres de Jandrei

O Inter voltou a colocar o contra-ataque para funcionar no início do segundo tempo. Moledo afastou lançamento para a área e a bola ficou nos pés de Nico López, que foi rápido e deixou Jonatan Álvez com espaço para correr em direção à área. O atacante saiu de frente para Jandrei, mas já cansado da arrancada acabou por bater fraco para a defesa do goleiro.

Álvez deu lugar a Leandro Damião, em uma alteração que surtiu poucos efeitos para o Colorado. A partida seguiu equilibrada e aberta até a lesão de Nico López, melhor em campo do lado do Inter. D'Alessandro mal teve tempo para entrar no jogo e Victor Cuesta cometeu pênalti ao corta chute com o braço. Para piorar, o zagueiro reclamou, levou o amarelo e foi expulso.

Autor do gol de empate, Leandro Pereira foi para a cobrança depois de toda a confusão, com muitas reclamações do Internacional, e não desperdiçou.

O Internacional poderia ter deixado o campo ao menos com um ponto, mas Jandrei teve seus minutos de herói no fim da partida. Primeiro pegou pênalti cobrado por Leandro Damião, aos 49 minutos, e ainda teve tempo de defender uma cabeçada à queima-roupa de Damião no lance seguinte, garantindo os três pontos para a Chape e a alegria do torcedor do São Paulo.

Mais de oGol.com.br

image beaconimage beaconimage beacon