Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Jobson destaca ‘efeito Sampaoli’ na vinda ao Santos: “Nem escutei ninguém”

Logotipo do(a) Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva 26/04/2019 Lucas Musetti Perazolli
Jobson é apresentado como reforço do Santos (Lucas Musetti) © Fornecido por Fundação Cásper Líbero Jobson é apresentado como reforço do Santos (Lucas Musetti)

Jobson foi apresentado como reforço do Santos nesta sexta-feira, no CT Rei Pelé. O volante vestiu a camisa 40 ao lado do presidente José Carlos Peres.

O meio-campista destacou o efeito Sampaoli pela vinda ao Peixe. Atlético-MG e Athletico-PR, por exemplo, demonstraram interesse.

“Sampaoli a gente acompanha. Traz de volta tudo que o brasileiro sempre quis ver. Bola para frente, protagonismo. Quem gosta de jogar bola quer ter ela no pé. Procurei não escutar as propostas, falei que queria vir para cá. Nem escutei ninguém. Agradeço pelo esforço que fizeram para me ter. Sempre me passou que queria me ter aqui. Sei como foram difíceis os bastidores”, disse Jobson.

O meio-campista ficou no banco de reservas diante do Vasco, pela Copa do Brasil, mas não entrou durante a classificação para as oitavas de final da Copa do Brasil.

O contrato de Jobson vale até 15 de abril de 2024. O Santos pagou R$ 3 milhões por 70% dos direitos econômicos.

Jobson tem 23 anos, foi revelado pelo Palmeiras e estava no Náutico antes de ser destaque pelo Red Bull. O atleta deu seus primeiros passos na carreira em escolinha de futebol do Santos.

Vídeo: Quem será o 'matador' do Brasileirão 2019? (Perform)

Repetir vídeo

Quer receber as principais notícias do MSN Brasil pelo Facebook Messenger?
Inscreva-se agora.


Mais de Gazeta Esportiva

image beaconimage beaconimage beacon