Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Jill Biden lidera delegação dos EUA nos Jogos de Tóquio

Logotipo do(a) Reuters Reuters 21/07/2021 Por Trevor Hunnicutt
Presidente dos EUA, Joe Biden, ao lado da primeira-dama, Jill, na Casa Branca © Reuters/ELIZABETH FRANTZ Presidente dos EUA, Joe Biden, ao lado da primeira-dama, Jill, na Casa Branca

Por Trevor Hunnicutt

WASHINGTON (Reuters) - A primeira-dama dos Estados Unidos, Jill Biden, irá liderar a delegação diplomática dos EUA nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, enviando uma mensagem de apoio ao aliado asiático, apesar das preocupações pela pandemia de Covid-19.

Biden, usando vestido listrado e um suéter branco, deixou Washington na manhã desta quarta-feira para começar sua longa jornada ao Japão.

Autoridades olímpicas e japonesas seguiram em frente com a Olimpíada, apesar da oposição do público a receber um grande número de atletas, funcionários e jornalistas no país --mais de 11.000 atletas apenas na Vila Olímpica--, dezenas dos quais já testaram positivo para Covid-19.

Mas o presidente dos EUA, Joe Biden, vê os Jogos Olímpicos, adiados por causa da pandemia, como um momento crítico para demonstrar apoio a um aliado e parceiro comercial de longa data, o qual ele espera que ajude a tentativa dos EUA de conter o crescimento da China, disseram seus assessores.

Biden chegará a Tóquio na tarde de quinta-feira, antes de jantar com o primeiro-ministro japonês, Yoshihide Suga, e sua esposa, Mariko Suga, no Palácio Akasaka, segundo seu porta-voz.

A Olimpíada é a primeira viagem sozinha da primeira-dama ao exterior e incluirá três dias no Japão.

Ela planeja comparecer à cerimônia de abertura na sexta-feira e se reunir com atletas da equipe norte-americana, funcionários do serviço estrangeiro dos EUA e o imperador japonês Naruhito.

(Por Trevor Hunnicutt)

View the full site

image beaconimage beaconimage beacon