Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Preso em Paracatu um dos integrantes da quadrilha que roubou banco em janeiro

Logotipo do(a) EM.com.br EM.com.br 05/08/2020 Ivan Drummond

© Reprdução/Google Maps Com a prisão de um suspeito de integrar uma quadrilha de ladrões de banco, a Polícia Civil de Paracatu, no Noroeste de Minas, começa a desvendar o assalto a uma agência do Bradesco, ocorrida em 11 de janeiro deste ano. Na ocasião, os ladrões fugiram levando R$ 50 mil e três armas de fogo.

A prisão dessa terça-feira foi consequência da investigação que vinha sendo realizada desde a época do assalto. Os assaltantes foram identificados e, a partir do pedido de prisão preventiva feita pelo delegado Mateus Leão Moreira, foi acatado pela Justiça, que emitiu mandados.

“Após meses de intensas investigações acerca do paradeiro do suspeito, foi deflagrada hoje a segunda fase da operação denominada ‘Domum Fortis’”, disse o delegado Mateus Leão Moreira.

Segundo o Delegado Regional de Paracatu, Douglas Antônio Ramos Magela, a operação mostra “o compromisso da Polícia Civil com a apuração de crime contra o patrimônio, mantendo a ordem pública”.

O homem foi levado para a Delegacia de Paracatu, mas a caçada aos outros três integrantes do grupo continua.

Mais de EM.com.br

image beaconimage beaconimage beacon