Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

Companhia de trem japonesa se desculpa por deixar estação 25 segundos antes do horário

Logotipo do(a) Hypeness Hypeness 16/05/2018 Redação Hypeness

O Japão é um dos países mais desenvolvidos do mundo e dono de uma malha ferroviária de fazer inveja. Com trens modernos e que podem chegar até 600 quilômetros por hora, o país asiático persegue incansavelmente a perfeição. Nada pode impedir a conclusão de uma viagem.

Para nós pode parecer impensável, entretanto mais uma vez a companhia responsável pelas viagens férreas no país, a West Japan Railway Company, se desculpou publicamente por um trem ter deixado a estação 25 segundos antes do previsto.

“Nós causamos transtornos aos nossos usuários e estamos trabalhando para que isso não se repita”, disse a agência em comunicado reproduzido pelo jornal Asahi.  

© Fotos: foto 1: Pixabay/foto 2: Fotos Públicas/Alexandre Carvalho

A previsão era que o trem partisse da estação de Notogawa às 7:12 da manhã, mas acabou saindo às 7:11:35. A saída antes da hora não prejudicou a operação, mas fez com que uma pessoa não conseguisse embarcar, suficiente para o pedido de desculpas.

Quem vive ou acompanha a cultura japonesa sabe que casos como este não são comuns, pelo contrário, a obsessão deles pela pontualidade atinge níveis extremos, mas justificáveis. Em 2005 um trem descarrilou e matou mais de 100 pessoas depois do maquinista circular acima do limite de velocidade para compensar o atraso de 90 segundos.

© Fotos: foto 1: Pixabay/foto 2: Fotos Públicas/Alexandre Carvalho

No Brasil a história é um pouco diferente. Em São Paulo, cidade com a maior malha férrea do país, a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) e o Metrô registraram mais de 100 falhas em 2017.

Segundo o G1, a Linha 1-Azul foi a recordista de problemas, com 40 situações. O Governo do Estado diz realizar manutenção preventiva e cita  ‘serviços inesperados’ como justificativa. Em abril a mesma Linha 1-Azul, que corta a Zona Sul da cidade registrou problemas que levaram ao fechamento de todas as estações.

 


Siga o MSN no Facebook

mais de Hypeness

image beaconimage beaconimage beacon