Você está usando um navegador antigo. Por favor, utilize versão suportada para ter acesso às melhores funções do MSN.

EUA tem "sérios problemas" com alta de casos de COVID-19, diz assessor da Casa Branca

Logotipo do(a) AFPAFP 26/06/2020 AFP
O infectologista Anthony Fauci durante uma audiência no Congresso em Washington, em 23 de junho de 2020 © KEVIN DIETSCH O infectologista Anthony Fauci durante uma audiência no Congresso em Washington, em 23 de junho de 2020

Anthony Fauci, assessor médico da Casa Branca, admitiu nesta sexta-feira (26) que os Estados Unidos enfrentam "sérios problemas" com o aumento dos casos de coronavírus no sul e no oeste do país. 

"Enfrentamos sérios problemas em algumas áreas", disse o infectologista. Ele disse que, olhando os casos em um mapa, pode-se constatar uma realidade muito heterogênea, mas que no fundo está interconectada".

O médico, uma figura muito popular e respeitada nos Estados Unidos, apelou para que os jovens exerçam sua responsabilidade individual. "Estamos todos juntos nisso", acrescentou. 

"Se você for infectado, infectará outra pessoa e ela infectará outra", alertou o renomado médico, lembrando que existem pessoas com a imunidade afetada por câncer ou por outras patologias. 

Os Estados Unidos - o país com mais casos fatais de coronavírus com quase 122.238 mortes - enfrentam um aumento dos contágios no sul e oeste do país, especialmente na Flórida e no Texas.

Nesta sexta-feira, o governador do Texas mandou fechar os bares e na Flórida as autoridades proibiram o consumo de álcool nos estabelecimentos.

ia-an/gfe/cc

image beaconimage beaconimage beacon